Policia Civil desvenda latrocínio de jovem em São Miguel do Guamá


Hiago Andrade (preso) / Rota Policial
A Polícia Civil anunciou, na segunda-feira (6), que o latrocínio - roubo seguido de morte - do qual foi vítima o jovem Adan Ollem, em São Miguel do Guamá, no último dia 30 de maio, já foi desvendado. Os três acusados de envolvimento no crime já foram identificados e um deles está preso.

O crime gerou muita repercussão no município e fez com que moradores interditassem um trecho da rodovia BR-010 em sinal de protesto. As investigações foram presididas pelo delegado Ronaldo Lopes, que, no dia seguinte chegou a prender Antônio Hiago Andrade Carmo, 20 anos. Ele é apontado como a pessoa que conduziu a moto usada para abordar a vítima e depois na fuga. A moto não foi encontrada.

O autor dos disparos foi identificado como Alan Rodrigo Cruz dos Santos, 20 anos, de apelido "Galo Cego", que está com prisão preventiva decretada e permanece foragido. Informações levantadas mostraram que foi Alan quem abordou a vítima para lhe roubar a moto. O terceiro acusado é Jeferson Silva Ribeiro, de 21 anos, que está com prisão solicitada à Justiça. Ele foi identificado como o responsável em fornecer a arma usada no crime, um revólver calibre 38.

As investigações mostraram ainda que o objetivo do grupo era roubar a moto da vítima. As investigações prosseguem para localizar Alan.
Policia Civil desvenda latrocínio de jovem em São Miguel do Guamá Policia Civil desvenda latrocínio de jovem em São Miguel do Guamá Reviewed by Esmael Teixeira on 6/11/2016 Rating: 5

Sem comentários