Grande Belém registra 30 mortes com características de execução em 24h

Com DOL e Folha de S.P
A onda de assassinatos que tomou conta de Belém nesta sexta-feira (20) deverá ser alvo de uma investigação especial, realizada por diversos órgãos do sistema de segurança do Pará. Entre a manhã de sexta e a de sábado (21), foram registrados 30 homicídios na Grande Belém, segundo dados atualizados. A suspeita é que alguns crimes tenham ligação com a morte do soldado Rafael da Silva Costa, da Rotam.

Em nota, a Polícia Militar informou que “a Secretaria de Segurança Pública e Defesa Social do Pará instalou na tarde desta sexta-feira um gabinete permanente de situação, envolvendo todos os órgãos da área para acompanhar e monitorar os acontecimentos”. Na manhã de hoje, foi feita uma reunião com gestores dos órgãos de segurança para discutir o caso e determinar uma “rigorosa apuração de todos os crimes, com envolvimento direto das corregedorias da Polícia Civil e Polícia Militar, para esclarecer os fatos, identificar e punir os responsáveis”.

Durante a manhã de ontem, o soldado Rafael, da Rotam, foi morto com um tiro na cabeça durante uma perseguição policial. Após o crime, outros 26 homicídios foram registrados nas 24 horas seguintes, alguns com sinais de execução.
Grande Belém registra 30 mortes com características de execução em 24h Grande Belém registra 30 mortes com características de execução em 24h Reviewed by Esmael Teixeira on 1/21/2017 Rating: 5

Sem comentários