Violência no interior: 4 são mortos a tiros, facadas e pauladas

TIAGO SILVA
De Castanhal

Resultado de imagem para violência mortePara quem pensa que a violência acontece somente na capital paraense ou na região metropolitana está muito enganado. No interior do Estado, a violência também está presente. Em menos de 15 horas, na região do nordeste paraense, 4 pessoas foram mortas a tiros, facadas e pauladas. Nenhum dos envolvidos nos crimes foi preso ainda.

O primeiro crime aconteceu na cidade de Capanema, por volta das 23h de segunda-feira (22), no bairro Almir Gabriel, onde Elizeu de Oliveira Travassos, de idade não informada, foi esfaqueado e espancado até a morte. A vítima teria praticado um assalto e sido perseguida por populares até ser alcançada na Avenida João Paulo II. Durante a fuga, Elizeu teria efetuado disparos de arma de fogo e um dos disparos teria atingido um mototaxista, fato que despertou a fúria da categoria e de alguns moradores do bairro, que fizeram justiça com as próprias mãos. Enquanto ao mototaxista, ele foi socorrido e transportado até a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) 24 Horas de Capanema, mas seu estado de saúde é considerado estável.

Já na cidade de São Caetano de Odivelas, por volta das 5h de ontem, dois homens foram executados a tiros dentro de uma casa, localizada no bairro Nova Marabá. As vítimas foram identificadas como Anderson Correa de Lira, 18, e Caio Almeida Ribeiro, de 19 anos. De acordo com informações colhidas no local, os assassinos (não se sabe ainda quantos), todos encapuzados, invadiram a casa e executaram a dupla com vários tiros. Cápsulas de pistola Ponto 40 foram encontradas na cena do crime. Ainda de acordo com possíveis testemunhas, os executores teriam fugido do local em um carro modelo Hilux, de cor prata, placa não anotada. Anderson Correa e Caio Almeida seriam moradores da localidade de Murinim, pertencente ao município de Benevides, e teriam envolvimento na morte do soldado Rayol, ocorrida no mês passado em Murinim. Todas as informações ainda estão sendo apuradas pela equipe do delegado Vinicius Florêncio, da Polícia Civil. A real motivação ainda é desconhecida.

E, na manhã de ontem, por volta das 10h30min, na cidade de Curuçá, Claudomiro da Cruz Campos, de 32 anos, foi assassinado com 3 tiros de revólver, sendo 1 na cabeça e 2 no tórax. O crime aconteceu no quintal da residência da vítima, situada na Vila de Caratateua, mais precisamente na rua Liberdade, zona rural. O assassino teria tido ajuda de mais 5 homens, que fugiram do local sem serem identificados. Informações colhidas no local dão conta de que Claudomiro já havia sido preso por roubos de motocicletas.

INVESTIGAÇÕES

Os três corpos foram removidos por peritos para o Instituto Médico Legal (IML) da cidade de Castanhal, onde passaram por exames de praxe. Depois foram liberados aos familiares para velórios e sepultamentos. Os casos estão sendo investigados pela Polícia Civil. Até o fechamento dessa edição ninguém havia sido preso.
Violência no interior: 4 são mortos a tiros, facadas e pauladas Violência no interior: 4 são mortos a tiros, facadas e pauladas Reviewed by Esmael Teixeira on 5/24/2017 Rating: 5

Sem comentários